Rede Globo entrevista barrense vitima de golpe aplicado contra idosos - Notícias de Barras e toda a região norte do Piauí

Top Ad unit 728 × 90

Agora

recent

Rede Globo entrevista barrense vitima de golpe aplicado contra idosos

Gonçalo Silva

Golpe do seguro de vida

O golpe do seguro de vida contra aposentados está em prática no país há pelo menos cinco anos e costuma acontecer após a contratação de um empréstimo consignado.

Em Barras, no interior do Piauí, o repórter Erik Von Poser conheceu o seu Gonçalo Silva. Ele é aposentado e fez um empréstimo para comprar uma moto. O problema é que além de pagar a moto, todo o mês é descontado uma quantia de R$ 18 de um seguro de vida da Central Nacional dos Aposentados e Pensicionistas do Brasil (Centrape), no qual o aposentado diz nunca ter feito.

Em um site, só em 2018, há 600 reclamações sobre essa empresa sobre desconto indevido. Mais de 1.200 pessoas se queixam de outro serviço de seguro de vida, só que da Sabemi. De acordo com a ouvidoria do INSS, já foram recebidas mais de 4 mil denúncias de serviços que os aposentados nunca contrataram, mas que são descontados da aposentadoria por empresas privadas e associações.


A Elaine dos Santos, que é autônoma, conta que verificou um débito na conta da mãe e resolveu ver sobre o que era aquela cobrança. "Eles descontam R$ 30. Eu nunca assinei papel nenhum e nunca ouvi falar", diz Bernade dos Santos.

Muitos aposentados e pensionistas nem sabem que são vítima do golpe, isso porque o valor do seguro de vida costuma ser em torno de R$ 20 e é descontado direto da folha de pagamento. A dona Bernadete também fez crédito consignado antes de cair nele.

O repórter Erik Von Poser recebeu uma denúncia do golpe por uma mulher que é ex-funcionária de um correspondente bancário de uma empresa autorizada a vender produtos como o empréstimo consignado.

"Correspondentes bancários fazem alguns serviços de banco como abertura de conta, financiamento de imóvel, empréstimos", conta a ex-funcionária. Para ter acesso a um desses serviços, o cliente precisa entregar diversos documentos. Segundo a denúncia, correspondentes bancários de má-fé estão usando esses dados para captar clientes para empresas que vendem seguros de vida.

A mulher diz que existe uma rede de correspondentes que são contratados para digitar os dados do cliente, sem ele saber, para contratar esses serviços. Neste caso, os digitadores, que são os falsificadores, chegam a imitar a assinatura do RG dos idosos para dar legitimidade ao contrato para a cobrança ser iniciada. Confira a reportagem completa no link abaixo!



Rede Globo entrevista barrense vitima de golpe aplicado contra idosos Reviewed by J Silva on 09:45 Rating: 5

Nenhum comentário:

Obrigado por efetua seu comentário, ele será lido e se aprovado será publicado em imediato.

Todos os direitos reservado por Notícias de Barras e toda a região norte do Piauí © 2013 - 2018
Powered By Deigners, Designed by Sweetheme

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.