Empresários que são ex-assessores de Rejane Dias faturaram milhões em contratos com a Seduc - Notícias de Barras e toda a região norte do Piauí

Top Ad unit 728 × 90

Agora

recent

Empresários que são ex-assessores de Rejane Dias faturaram milhões em contratos com a Seduc

Uma operação da Polícia Federal (PF) realizada recentimente
no Piauí desvendou um esquema de desvio de dinheiro público, ao todo mais de R$ 119 milhões que deveriam ser usados para Transporte Escolar em dezenas municípios do estado, mas os serviços não eram prestados contratos firmados nos contratos com a Secretaria Estadual de Educação (SEDUC), tendo sido descoberto ainda fraude nos processos de licitação, com vícios ‘forçados’ pela própria Seduc, através de servidores da pasta, e ainda empresários. 



Todas as fraudes aconteceram durante a gestão da secretária de Educação Rejane Dias (PT), esposa do Governador do Piauí, Wellington Dias (PT), que se licenciou do cargo recentemente para concorrer a reeleição como deputada Federal. O nome da secretária ainda não aparece ou não foi divulgado pelos delegados que realizaram a Operação Topic.

Porém, o que chama atenção é que os presos e investigados na operação são boa parte de ex-assessores da secretária Rejane, que da ‘noite para o dia’ se tornaram empresários, donos de empresas com capital milionário, o que era necessário para participar das licitações.

Como divulgado em vários portais locais, como CódigodoPoder,180graus, Política Dinâmica, dentre outros, mostra que dentre as empresas investigas, está a de ex-assessores da secretaria, que virou dono de um cursinho, já outra assessora e dona de empreendimento imobiliário milionário na região de São João do Piauí, pois seu nome consta como sócia no CNPJ da empresa na Receita Federal. A mesma é prima da secretária e estaria agora como suplente do candidato a senador Marcelo Castro (MDB).

É de se estranhar também que a empresa Locar Transportes, do senhor Luiz Carlos Magno, faturou R$ 134 milhões em menos de quatro anos do Governo Wellington Dias. Devido a repercussão, a empresa para fugir dos holofotes já mudou o nome para LC Transportes. A Locar é uma das investigada por desvio de verba pública na Operação Topic.

A investigação iniciada pela PF deve desencadear outras descobertas de desvio de dinheiro publico durante a gestão do Governo Wellington Dias, mas isso se faz necessário é de extrema importância essa limpeza no 'crime da máfia dos transporte escolares' será o ponto inicial para construção de um novo Piaui. Toda essa documentação que comprovam os desvios dessa guangue são armazenados fora da Secretaria, numa empresa de Gestão e Guarda de documentos que chama-se Safedoc Arquivos. Essa empresa é de laranjas, supostamente ligados à servidora da Educação Lizia Saraiva, sócia deste Luís Carlos da 'Locar', mas na invetigação e escutas do MP aponta que está em nome de laranjas ligados ao secretário da pasta administrativa do Estado que concorre ao cargo de deputado estadual nesta eleição na base do atual governo. 

Além de Franzé Silva, as investigações seguem também para um ex-assessor da Secretaria, já desligado da pasta.
Empresários que são ex-assessores de Rejane Dias faturaram milhões em contratos com a Seduc Reviewed by J Silva on 12:06 Rating: 5

Nenhum comentário:

Obrigado por efetua seu comentário, ele será lido e se aprovado será publicado em imediato.

Todos os direitos reservado por Notícias de Barras e toda a região norte do Piauí © 2013 - 2018
Powered By Deigners, Designed by Sweetheme

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.