Top Ad unit 728 × 90

recent

Motocicletas estão matando e mutilando os piauienses

Os acidentes envolvendo motos já são a principal causa de ocorrências de trânsito no país, ultrapassando os atropelamentos de pedestres.


Atualmente, mais de metade das internações pelo Sistema Único de Saúde (SUS) são de motociclistas, que respondem por três quartos das indenizações do Seguro Obrigatório de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Vias Terrestres (DPVAT).

“As motos mudaram o padrão da mortalidade, com a expansão muito forte da frota de motos nos últimos dez anos,  e hoje a principal vítima no trânsito já é o motociclista. O pedestre era historicamente quem mais sofria no trânsito, agora é o motociclista. Há vários fatores que incidem diretamente nesta utilização maior das motos, que é um veículo com um risco maior agregado do que um veículo de quatro rodas”, disse Moreira.

O Governo do Estado do Piauí gastou, em 2016, cerca de R$ 1,6 bilhão com acidentes de trânsito, o que representa 4,26% do PIB do Estado. A informação foi passada pelo diretor da Associação Reabilitar e renomado neurocirurgião do Estado, Benjamim Pessoa Vale, durante sessão solene realizada na ALEPI nesta quinta-feira, 14 de Setembro. Noventa e três por cento desses acidentes foram ocasionados com pessoas que conduziam motocicletas.


A sessão foi proposta pelo presidente da Casa, deputado Themístocles Filho, e alusiva a 'Semana Neuro em Ação', evento de iniciativa da Sociedade Brasileira de Neurocirurgia (SBN). Além do dado dos gastos, Benjamim Pessoa Vale destacou o número de acidentes desse ano. “O trânsito fez 150 mortes em 2016, e neste ano, de janeiro a agosto, já fez 156 mortes”, disse.

O Piauí ocupa a primeira posição no ranking brasileiro de vítimas de acidentes com motocicletas, com taxa de mortalidade de 21,1 para cada 100 mil habitantes, de acordo com dados do Ministério da Saúde, divulgados em 2017. Entre 2002 e 2012, este número cresceu 401%. No Brasil, o índice é de 6,3 mortes por 100 mil habitantes. No Piauí, foram 615 mortes em 2013. Nos últimos seis anos, acidentes com motos foram responsáveis pelo crescimento de 115% das internações hospitalares no SUS. 
Motocicletas estão matando e mutilando os piauienses Reviewed by J Silva on 08:17 Rating: 5

Nenhum comentário:

Obrigado por efetua seu comentário, ele será lido e se aprovado será publicado em imediato.

Tecnologia do Blogger.