Delegado se livra da prisão alegando 'problema mental', mas ostenta nas redes sociais

Top Ad unit 728 × 90

recent

Delegado se livra da prisão alegando 'problema mental', mas ostenta nas redes sociais

O delegado Clayton Doce Alves Filho, que foi preso em 2014 suspeito de desviar dinheiro da segurança pública do Piauí, responde por diversos crimes em liberdade após alegar 'problemas mentais', mas isso não o impede de curtir uma vida de luxo, até fora do país, e ainda recebe um salário de mais de R$ 17 mil do dinheiro público, mesmo sem trabalhar.


Na reportagem exibida pela TV Clube, o mesmo aparece posando em viagens luxuosas e há pelo menos dois anos a corregedoria quer fazer um novo laudo médico para comprovar seus problemas mentais, mas ele nunca realizou.

"O psicólogo, ou psiquiatra, conferiu um laudo dizendo que ele não tem insanidade mental, que ele responde pelos seus atos. O senhor Clayton não se conformou com o laudo psiquiátrico e entrou com uma medida cautelar, no Tribunal de Justiça, e o tribunal concedeu uma liminar e determinou a suspensão dos três processos que corre na corregedoria", disse o corregedor Roberto Carlos Sales.

O processo ainda está em tramitação no justiça do Piauí, que alega que o processo não está parado.

Fonte: 180graus
Delegado se livra da prisão alegando 'problema mental', mas ostenta nas redes sociais Reviewed by J Silva on 07:30 Rating: 5

Nenhum comentário:

Obrigado por efetua seu comentário, ele será lido e se aprovado será publicado em imediato.

Tecnologia do Blogger.