Top Ad unit 728 × 90

Destaque

Caso Bruna: Suspeito de matar mulher a facadas em Barras, continua solto

Quem não lembra do trágico assassinato da dona de casa Bruna, residente no bairro Piquizeiro, encontrada morta com varias perfurações a faca por populares? 


Bastante tempo já se passou e até o presente momento, segundo informações colhidas o caso ainda não foi elucidado pela justiça. A família cobra justiça e ainda chora a morte brutal da ente querida.

Relembre o acontecido: 

Foi encontrado a poucos instantes em uma residência no Bairro Pequizeiro, zona norte da cidade de Barras, o corpo de uma mulher identificada pelos moradores pelo nome de Bruna (27 anos) assassinada a golpes de facas. De acordo com informações apuradas junto a vizinhos da mesma, alguns gritos foram ouvidos na madrugada desta segunda (25). A policia suspeita de Carlos Santos, marido de Bruna que se encontra foragido.
  


A Policia Militar esta neste momento em perseguição ao suspeito. Familiares da vitima se encontram em estado de choque. 

Atualizado às 11:00h
Segundo informações prestadas por familiares, o suspeito já tinha agredido a vítima há alguns meses atrás com uma forte paulada na cabeça, a agressão causou traumatismo craniano e por essas razão, Bruna ficou impossibilitada de trabalha. A informação que a criança se encontrava com o suspeito não procede, no momento ela está com a avó materna.

Atualizado às 15:00h
Suspeito já havia sido autuado pela LEI Maria da Penha por agressão a sua companheira. Segundo informações da família o suspeito já havia agredido por várias vezes.

Aguardem mais informações a qualquer momento.

Caso Bruna: Suspeito de matar mulher a facadas em Barras, continua solto Reviewed by J Silva on 14:38 Rating: 5

Nenhum comentário:

Obrigado por efetua seu comentário, ele será lido e se aprovado será publicado em imediato.

All Rights Reserved by Notícias de Barras e toda a região norte do Piauí © 2014 - 2015
Powered By Blogger, Designed by Sweetheme

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.