Top Ad unit 728 × 90

recent

MAIS DETALHES: Laudo preliminar confirma estupro de Bebê de 1 ano no PI

A bebê N.K.F., de um ano e três meses foi estuprada e encontrada, às 08h30 de domingo, em ponto de drogas, chamada de cracolândia, no bairro Santa Fé, na periferia do município de Pedro II.



Delegado regional de Pedro II, Jorge Terceiro

A criança foi internada no domingo na Maternidade Dona Evangelina Rosa, no bairro Ilhotas, na zona Sul de Teresina, com escoriações, com roupas rasgadas e no local onde foi encontrada tinha marcas de sangue. Há suspeita de que pelo dois homens participaram do crime. segue internada na Maternidade Dona Evangelina Rosa, em Teresina, sem risco de morte.

A delegada de Pedro II, Camila Rodrigues disse que um laudo preliminar confirmou o estupro de vulnerável. "A criança não corre risco de morte, mas possivelmente vai precisar de cirurgia", disse.
A advogada da família da bebê, Esmaela Macêdo, informou que a família já forneceu para a polícia o nome do eventual responsável pelo estupro de vulnerável e os policiais estão fazendo diligências.
O suposto suspeito pelo crime mora na mesma rua da família da bebê, onde foi raptada.
“O que sabemos é que houve crime sexual”, falou Esmaela Macêdo.
A tia da mãe da criança, Neide Lopes, falou que se a polícia tivesse agido mais rápido teria evitado que o homem tivesse estuprado a criança.
“A mãe da criança é uma menina boa, nem consome bebidas alcoólicas. Fomos procurar a polícia para dar queixa e tivemos que ir para outra delegacia fazer o Boletim de Ocorrência. A Polícia tinha duas viaturas e tenho certeza se tivessem tomado providência mais cedo, teriam evitado pela a criança fosse violentada”, declarou Neide Lopes.
O delegado regional de Pedro II (167 km de Teresina), Jorge Terceiro, afirmou que a menina N.K.F. desapareceu da residência de sua família, no bairro Santa Fé, às 3h da madrugada. Segundo ele, a família da criança foi denunciar o desaparecimento da menina e os policiais fizeram diligências, logo em seguida uma vizinha informou que tinham encontrado o bebê chorando muito, em um lugar cercado de mata, espinhos e carrapichos, que é usado por jovens como boca de fumo e de consumo de crack e maconha.
“Estamos esperando o laudo médico para confirmar que houve estupro, conjunção carnal, mas temos suspeitas de estupro pela forma como a criança foi encontrada com escoriações, com a roupa rasgada, chorando muito e havia manchas de sangue no local”, afirmou o delegado Jorge Terceiro.
Conforme o delegado Jorge Terceiro, a menina N.K.F. foi levada, com estado grave de saúde, para atendimento médico no Hospital de Pedro II e transferida para a Maternidade Dona Evangelina Rosa.
“Fomos informados pela Maternidade Dona Evangelina Rosa de que a criança já não corre mais risco de morte”, falou Jorge Teixeira, que vai transferir o caso para a delegada de Pedro II, Camila Rodrigues, que vai instaurar inquérito policial para apurar o suposto crime de estupro de vulnerário e rapto.
A menina N.K.F. está internada na Maternidade Dona Evangelista Rosa, sendo acompanha pela mãe, Maria Alves, de 22 anos, e a conselheira tutelar de Pedro II Francisquinha Aguiar.
O conselheiro tutelar de Pedro II, José Santos, afirmou que a menina estava dormindo em um quarto com a avó, uma tia e outra criança de três anos. Segundo ele, quando a tia acordou para amamentar seu filho de três meses percebeu que N.K.F. não estava no quarto e a janela estava entreaberta.
|A mãe da menina, Maria Alves, estava participando de uma festa e foi chamada para que fosse prestada queixa do desaparecimento da bebê na Delegacia de Polícia de Pedro II.
José dos Santos disse que foi acionado às 5h de domingo sobre o desaparecimento de N.K.F. e após buscas infrutíferas, foi divulgado um comunicado em emissora de rádio o desaparecimento da criança e dez minutos depois a bebê foi encontrada.
“A menina foi encontrada chorando muito. Ela está com escoriações e foi encontrada em um local de drogas que existe em Pedro II. Não descartamos que houve estupro de vulnerável porque nesses casos o estupro não é apenas penetração ou conjunção carnal e não apenas por uma pessoa, mas duas. Foi necessário mais de uma pessoa para retirar a criança do quarto de sua casa, onde estava domingo , até ser colocada naquele local", falou José Santos.
Fonte: Com informações do Efrem Ribeiro
MAIS DETALHES: Laudo preliminar confirma estupro de Bebê de 1 ano no PI Reviewed by J Silva on 21:00 Rating: 5

Nenhum comentário:

Obrigado por efetua seu comentário, ele será lido e se aprovado será publicado em imediato.

Tecnologia do Blogger.