Top Ad unit 728 × 90

recent

Prefeito de Cabeceiras esclarece que não houve bloqueio em suas contas

Nota de esclarecimento

Advogado nega irregularidades nas prestações de contas da Prefeitura de Cabeceiras
Segundo a assessoria do advogado Marvio Marconi, a decisão do TCE é um equívoco, pois as duas prefeituras encontram-se com as prestações de contas e todos os seus documentos em dia.
BÁRBARA RODRIGUES, DO GP1
Atualizada em 08/07/2016 - 12h40

Em nota de esclarecimento, a assessoria do Escritório Conplan Contabilidade e Projetos, que tem como sócio administrativo o advogado Marvio Marconi de Siqueira Nunes, negou que as prefeituras de Jerumenha e Cabeceiras do Piauí estejam inadimplentes junto ao Tribunal de Contas do Estado (TCE).

Na quinta-feira (7), o TCE determinou o bloqueio das contas de 15 prefeituras e 13 câmaras municipais do Piauí por atraso nas prestações de contas de janeiro, fevereiro e março deste ano. As prefeituras de Jerumenha e Cabeceiras aparecem na lista.

Segundo a assessoria do advogado Marvio Marconi, a decisão do TCE é um equívoco, pois as duas prefeituras encontram-se com as prestações de contas e todos os seus documentos em dia.

Confira a na íntegra:

O Escritório Conplan Contabilidade e Projetos , que tem como Sócio Administrativo o Dr. Marvio Marconi de Siqueira Nunes, esclarece que trata-se de um equivoco do TCE-PI ,a lista que coloca o nome das Prefeituras de Jerumenha e Cabeceiras do Piaui, como inadimplentes, ambas encontram-se em dia com a entrega de suas respectivas prestações de contas, assim como a sua parte documental e relatórios , retifica também que as Prefeituras citadas na eventual lista, não possuem Previdência Própria, como havia sido dito.

Atenciosamente,
Cletiana Aguiar


Prefeito de Cabeceiras esclarece que não houve bloqueio em suas contas Reviewed by J Silva on 17:26 Rating: 5

Nenhum comentário:

Obrigado por efetua seu comentário, ele será lido e se aprovado será publicado em imediato.

Tecnologia do Blogger.